O Verde Novo já plantou e distribuiu 108.524 mudas de árvores em Cuiabá; a empresa também orienta sobre segurança no cultivo urbano

Cuiabá vai ganhar uma nova ajuda no aumento dos índices de arborização da cidade. Recentemente, foi anunciada a renovação da parceria entre a Energisa e o Poder Judiciário de Mato Grosso no projeto Verde Novo

A Energisa apoia o Verde Novo desde 2019. Desde o início do projeto, que entra no seu quarto ano, aconteceram 424 ações. No total, 108.524 mudas de árvores foram plantadas e distribuídas. A vegetação tem o papel de ornamentar a cidade, mas também ajuda a regular a temperatura e a umidade do ar. Entre as espécies estão algumas frutíferas, como amoreiras, cajueiros e pitangueiras, além de arbóreas. Entre alas, o jacarandá, ipê roxo, ipê rosa, oiti e ipê branco.

Além de fazer parte das ações do projeto, a distribuidora de energia de Mato Grosso tem contribuído na divulgação do plantio correto das árvores. Com isso, os moradores da capital têm acesso a informações sobre as melhores espécies para serem cultivadas na área urbana, levando-se em consideração os cuidados necessários quanto ao tipo de muda e o seu desenvolvimento nas áreas próximas às redes de distribuição de energia. Essa é mais uma das ações da Energisa junto às comunidades onde atua.

O Verde novo é idealizado e coordenado pelo Juizado Volante Ambiental de Cuiabá (Juvam) e conta com a cooperação do Município de Cuiabá, do Instituto Ação Verde e de parceiros da iniciativa privada, como a Energisa. Por conta da pandemia, o projeto tem adotado o delivery para entregar as mudas à população da capital.