Claudio e Vanilton, de Seringueiras, na BR 429, mostram como a iniciativa da Energisa de garantir energia limpa e de qualidade para o município resultou em melhores condições de trabalho 

A construção de uma nova rede de distribuição de energia ao longo da BR 429 , está transformando a vida dos pequenos empreendedores do agronegócio da região. As obras permitiram o desligamento de três térmicas a óleo e a integração da região ao mesmo sistema que abastece a maioria dos brasileiros. Vanilton e Cláudio, são personagens reais da nova campanha publicitária da Energisa que vivem e trabalham no município de Seringueiras, às margens da rodovia que liga o interior de Rondônia à fronteira com a Bolívia, e agora têm energia para investir. 

Cláudio produz maracujá e tinha dificuldade com a energia. “Estava desistindo de construir a indústria porque a energia não tocava as máquinas. Tinha prejuízo. Não consegui trabalhar” resume. Hoje, com a construção de uma nova infraestrutura elétrica para atender o município, ele consegue beneficiar o fruto e congelar a polpa. 

Vanilton também mora e trabalha na região, produzindo queijos. Ele lembra que, até o ano passado, não tinha segurança na energia que recebia até outubro do ano passado, quando a Energisa inaugurou as novas redes elétricas para Seringueiras. “Era muito sofrido. Tinha hora que vinha muito forte. Tinha hora que acabava”, lembra. Agora, ele faz planos para o futuro.  “Com essa energia que a Energisa forneceu para a gente, nossa expectativa é de crescer muito”, completa.